Blog Forex: Análise das Principais Moedas em 2020 e Expectativas para 2021


Análise das Moedas USD, EUR e GBP em 2020 e o que esperar em 2021

2020 foi um ano de grande volatilidade para o Mercado Forex.
Essa turbulência foi causada principalmente pelo impacto econômico da pandemia Covid-19, embora outros fatores, como o Brexit e o impasse tarifário contínuo entre os Estados Unidos e a China, tenham contribuído.
Este artigo analisa como as principais moedas do mundo se saíram ao longo do ano passado e como a situação se encaminha para o novo ano 2021.

 Forex Covid-19

 

USD - Dólar Americano

No início de 2020, parecia que nada poderia impedir a marcha do poderoso dólar, que vinha sendo forte nos últimos dois anos. Mesmo quando o coronavírus se espalhou para a Europa e devastou Itália e Espanha em Fevereiro, a fé dos investidores no dólar americano não foi afetada. Afinal, a economia americana estava em alta e os investidores migraram para o dólar quando o resto do mundo enfrentava incertezas, como costuma acontecer, visto que se trata de um dos ativos mais comuns considerado um porto seguro.


Porém, tudo mudou em Março, quando os investidores começaram a perceber como era a resposta da Casa Branca à pandemia, incluindo minimizar a sua gravidade e criticar bloqueios e restrições estaduais, à medida que casos e mortes aumentavam em todo o país. O dólar começou a cair à medida que os investidores fugiam dele para os braços de outros ativos, como o Ouro (XAU), que subiu de $ 1.619 em 1º de Março para $ 1.981 em 1º de Julho. No mesmo período, o índice US DXY, que mostra o valor do dólar norte-americano em relação às seis principais moedas caiu de 98 para 96. Em 1º de dezembro, caiu ainda mais para 90.


Os comentadores do mercado preveem novas quedas para o dólar americano no primeiro trimestre de 2021. Embora outros países também estejam empregando um programa de flexibilização quantitativa, nenhum está a "imprimir dinheiro" ,em relação ao tamanho de sua economia, como os EUA. Para os investidores, isso significa essencialmente que o dólar é retido em relação a outras moedas. Quando combinado com as taxas de juros próximas de zero às quais o Federal Reserve está vinculado no futuro previsível, o dólar é visto como um ativo pouco atraente para se investir.

 

EUR - Euro

Tal como o dólar, a pandemia moldou a sorte do euro em 2020.
Enquanto a primeira onda da pandemia atingiu fortemente a Europa, a resposta da União Europeia foi decisiva. A UE concordou com um fundo histórico de resgate de emergência de pandemia de US $ 750 bilhões e seus estados-membros reduziram em grande parte a taxa de mortalidade ao longo do ano, geralmente como resultado de medidas rígidas, incluindo bloqueios totais e parciais e toques de recolher em todo o país.

A resposta europeia, juntamente com a perda de fé dos investidores na gestão da pandemia pelo governo dos EUA, levou a um aumento constante da taxa de câmbio EUR/USD ao longo do ano. Subiu de 1,06 em 18 de Março para 1,21 em 8 de Dezembro, a sua maior taxa em mais de dois anos e meio.

Os analistas preveem que a taxa EUR/USD permanecerá oscilando em torno de sua taxa atual. O Bank of America prevê níveis de negociação de 1,20 no início de 2021, movendo-se para 1,25 no quarto trimestre. Enquanto isso, Julius Baer vê um aumento de 1,20 para 1,24 ao longo de 2021.

 

GBP - Libra Esterlina

A taxa de câmbio GBPUSD começou o ano em 1,32. Embora não seja tão pronunciado quanto a abordagem do Presidente Trump para a pandemia, o Primeiro-Ministro do Reino Unido Boris Johnson foi visto como tendo uma abordagem jocosa do vírus no início do ano, aparentemente preferindo uma abordagem de "mentalidade de rebanho" em vez de implementar restrições e se gabar de ter apertado as mãos de pacientes da Covid-19 num hospital no início de Março, antes de ser internado na UTI com o vírus.
A forma como o governo britânico lidou com a pandemia rapidamente impulsionou o Reino Unido a tornar-se o país com a pior taxa de mortalidade excessiva na Europa.

Assim como a perda de confiança dos investidores no dólar americano, eles rapidamente perderam a fé nas perspectivas para a economia do Reino Unido e também para a libra esterlina. A moeda caiu de 1,31 em 8 de Março para uma baixa anual de 1,14, apenas 11 dias depois, em 19 de Março, conforme a magnitude do impacto da pandemia na economia britânica se tornou mais clara. A decisão do Reino Unido de ser o primeiro país do mundo a começar a lançar uma vacina aprovada clinicamente em dezembro levou ao fortalecimento da moeda em relação ao dólar, negociando entre 1,32 e 1,34 durante grande parte de Novembro e Dezembro. No entanto, o desenvolvimento do GBP/EUR em 2020 seguiu um curso diferente.

A taxa de libra para euro caiu de 1,17 de Janeiro e uma alta anual de 1,19 em Fevereiro para uma baixa anual de 1,08 em Setembro.
No início de Dezembro, foi negociado de forma estável em torno de 1,10, embora sua previsão para 2021 dependa muito de como as negociações do Brexit serão concluídas. Se o Reino Unido e a UE não conseguirem chegar a um acordo favorável, os analistas preveem que a moeda Britânica poderá cair para 0,95 em relação ao Ruro, ao passo que um acordo provavelmente fará com que continue até 2021 sendo negociada entre 1,10 e 1,11.

 

----------------------------------------------------------------------------------------------------------

Esperamos que este Blog tenha sido útil.
Não se esqueça de dar uma vista de olhos aos nossos serviços de Copy Trading Forex, uma forma de obter Sinais de Forex diretamente na sua Plataforma de Trading MT4 ou MT5. 
Forex Brasil
Cadastre-.se no site ou entre em contacto com a nossa equipa através do nosso WhatsApp de apoio a clientes para mais informações sobre os nossos serviços de investimento no mercado forex - EA Forex e Sinais Forex Brasil

Veja também aqui outros artigos do nosso Blog Forex

Votos de Boas Trades!


Deixe um comentário


Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos